POESIAS, CULTURA, INFORMAÇÕES E ASSUNTOS C.C.B. BRASIL, MUNDO

Usuário Online

contador de usuários online grátis
31
Mar 11

UMA VISÃO INTERNA/PONTE ESTAIADA

FOTO: DGAUDIO    ------------      PONTE ESTAIDA, PARTE INTERNA

 


 QUARENTA GRAUS
 

 


Como dardos cristalinos e frios, há muito esperado,
Cai a chuva, em gotículas transparentes e tímidas;
O barulho da chuva no telhado mistura-se ao cheiro
Da terra molhada, provocado pelo contato com a água.

 


Como dádivas dos céus, cai “ a bênção” em gotículas
De águas cristalinas, que aos poucos nos refresca o dia
Neste sol abrasador, que mata e flagela nossa existência.
Sol de quarenta graus, que aos homens alucina em demasia.

 

 

Sol de quarenta graus, que deixa os homens em polvorosa
Com cenhos carrancudos, que por tudo,em vão se irritam!
Neste mundo de meu Deus onde Judas perdeu suas botas!
Como dardos cristalinos, cai a chuva em tímidas gotas!

 


Como dardos cristalinos, em gotas geladas e tranqüilas,
Cai a chuva no telhado, ao som de serenata animadora,
Anunciando a alegria, que há muito se espera, nesta terra!
Terra de muitas lutas, homens fortes, muitas esperanças.

 

 

 

 

                                D`Gáudio Procópio

publicado por dgaudioprocopio o Poeta às 09:56
tags:

Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

16
17

22
24

29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
MAPA MUNDI
MUSICA
LIKE YOU
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO