POESIAS, CULTURA, INFORMAÇÕES E ASSUNTOS C.C.B. BRASIL, MUNDO

Usuário Online

contador de usuários online grátis
25
Mar 15

globo.png

A poderosa REDE GLOBO tornou-se numa fonte de águas salgadas, um picolé sem açúcar ou tal qual um melão passado: com casca amarela e miolo podre.

Dessa fonte não sai mais nada que se aproveite, assim como seus novelistas e roteiristas.

Acabaram-se as ideias, esgotaram-se os temas. Termina uma novela e começa outra, os conteúdos são idênticos, as cenas idem, mudam só os personagens.

O grande PROJAC nada mais é do que um celeiro de mentes vazias onde se criam programas e novelas com inícios melancólicos, gritos e finais previsíveis. É muito mais emocionantes assistir FROZEN, os CRODES do que esses programas caducos sem nenhum conteúdo educativo e moral com nada de entretenimento.

E por falta de conteúdos apela para o obsceno e choques moralistas aos bons costumes. Agredindo nossa sociedade e deturpando nossas crianças empurrando goela abaixo uma modernidade arrasadora e destruidora da entidade FAMÍLIA e com isso aposta na polémica para obter audiência a todo custo.

A tônica agora são gritos, empurrões, beijos gays, brigas familiares, crianças envolvidas em dramas familiares e cenas de violências, como se já não bastassem a dura realidade e os programas policiais que dão ênfases ao SANGUE, TERROR E O MEDO.

Será que o Brasil está tão carente assim de novos autores?

 

 

 

D Gáudio Procópio

Teresina 24 de março de 2015

 

publicado por dgaudioprocopio o Poeta às 01:49

20
Mar 15

TIA LU 2.jpg

 

TRANSCENDENTE: DO CHORO AO RISO

 

Choramos quando nascemos, choramos quando tropeçamos, choramos quando sentimos uma alegria estupenda.

As vezes fazemos alguém chorar; também choramos por alguém. Mas o que é o choro senão uma expressão de sentimentos atribuídos ao ser humano?

Se choramos é porque temos sentimentos por alguém ou alguma coisa ou até mesmo uma ligação umbilical, sentimental ou material, seja no plano carnal ou espiritual.

Mas porque choramos uma ausência? Por que amamos ou por que somos egoístas? Nem uma coisa nem outra, ou ambas. Mas temos que admitir e aceitar a hora da separação seja ela carnal ou espiritual.

É difícil aceitar, mais doloroso ainda quando a separação tem caráter permanente, quando não tem volta, nem o amanhã, até breve, ou até logo.

Mas tudo isso é uma ótica para quem fica e espera; de quem está no plano inferior, a saber: terra!

Nunca estamos e nem estaremos preparados para a hora da separação, muito embora saibamos que ela virá.

Mas vejamos a coisa pela ótica de quem parte, pela visão futurista de quem viu o além, ou o pós-morte. Nada mais natural e puro do que a fala de uma criança ou a fala de quem está nos umbrais do olimpo, não tem mentiras nem fábulas, mas puro realismo celestial.

Entre tantos outros casos presenciados e vivenciados por muitos e os dos quais alguns fui testemunha visual/auditiva, temos o caso mais recente de nossa querida irmã Luzia Teixeira, que momentos/horas que antecederam sua partida tivera visões magníficas das coisas vindouras e futuristas do Pai Celestial, fatos e relatos compartilhados com sua irmã Claudia Silva Cunha. Visão essas que ensejaram nela o desejo de não mais ficar neste mundo de lamentações, mais almejar sua entrada triunfal no repouso Celestial.

Em outras contagens conceituamos visões de terceiros de que ela nos deixaria em breve para um até logo.

Pois temos um encontro marcado junto ao Pai Celestial. Em meio a tudo isso e mais aquilo, temos o consolo de que ela não morreu, mas nasceu, transcendeu os limites do universo. E a mesma nos aguarda para uma Ceia Celestial.

Com esse texto proponho um conclamo de paz espiritual aos vivos que a conheceram a “Joana d`Arc Luzia” Luzilandence.

 

 

 

Por DGáudio Procópio

 

Teresina, 19 de março de 2015

 

O TEU VAZIO JAMAIS SERÁ PREENCHIDO

 

 

 

 

publicado por dgaudioprocopio o Poeta às 08:42

19
Mar 15

NOTA DE APOIO MORAL

 

Vimos por meio desta, enfatizar nosso apoio moral ao amigo CÉSAR AUGUSTO BARROS, servidor da Fundação CULTURAL MONSENHOR CHAVES e ao mesmo tempo lamentar profundamente o seu prematuro remanejamento de suas funções e setor (coordenação de cultura) para outro departamento distante da já citada função que o mesmo exercia com esmero e carisma há tempos na referida repartição, onde conquistara a confiança e carinho daqueles que se achegavam a esse departamento.

Desconhecemos os motivos e problemas internos que culminaram a esse ato administrativo; mas acreditamos que a sua ausência será de forma notada e (percebida) no setor de edição e coordenação de obras.

Esperemos que seja reconsiderada e revista essa atitude administrativa.

 

 

 

Por D Gáudio Procópio

Teresina, 19 de março de 2015

 

 

SE VOCÊ CONHECE O CÉSAR E NÃO CONCORDA COM O FATO, COMPARTILHE.

publicado por dgaudioprocopio o Poeta às 16:23

18
Mar 15

TIA LU 2.jpg

TIA LU 3.jpg

LUZIA2.jpg

 

publicado por dgaudioprocopio o Poeta às 19:24

13
Mar 15

joao claudio.PNG

 

Conebtário do humorista João Claudio sobre o livro Catanã:

 

“Tem uma síntese da ambiência histórica e ao mesmo tempo você narra sem pretensões... Com muita naturalidade... Olha... Minha opinião não vale grande coisa não... Mas eu amei teu trabalho... E me honra é sua amizade... Sinceramente amigo Muito Mas muitíssimo obrigado Mesmo... Vou voltar ao Livro... Reler e marcar tópicos da minha curiosidade para depois falar contigo sobre eles”.

 

publicado por dgaudioprocopio o Poeta às 23:23

10
Mar 15

negro.png

 

VOCÊ É RACISTA? SAIBA QUE A DISCRIMINAÇÃO E O CONTINUÍSMO DA ESCRAVIDÃO.

POR TRÁS DA PELE NEGRA EXISTE UM SER HUMANO. EXISTE  VIDA!

VOCÊ PODE TER ASCENDÊNCIA NEGRA E NÃO SABE.

 

publicado por dgaudioprocopio o Poeta às 10:50

Março 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
14

15
16
17
21

22
23
24
26
27
28

29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
MAPA MUNDI
MUSICA
LIKE YOU
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO